Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vida com dois sentidos

Vida com dois sentidos

Tinha muito para dizer, mas acho que isto basta...

 

 

 


Sinto-me uma sortuda por ter a melhor amiga que tenho. Não podia ter melhor pessoa na minha vida. É , sem dúvida, A pessoa que vão ficar para sempre na minha vida. Conhece-me melhor que ninguém, atura as minhas neuras, os meus ataques de estupidez e infantilidade. Nunca me virou as costas. Nem mesmo quando está quase a enlouquecer com tudo o que faço e digo de mal. 

Não há agradecimento possível (há pessoinha, deus ou lá quem tiver sido a po-la no meu caminho) para o facto de ela ter entrado na minha vida e não agradecimento possível para lhe fazer a ela por me aturar há tanto tempo.
Para ti, que eu sei que vais ler isto, sim, porque eu vou-me certificar que lês isto!:


OBRIGADA! POR TUDO! AMO-TE!  

 

 

O derradeiro ano!



Começou o meu último ano no secundário (espero eu!). A minha turma é praticamente a mesma, os professores também, a escola continua igual ou talvez até pior frequentada e o meu horário é excelente. Sempre ansiei por este ano. Por chegar ao fim de um caminho feito com muitos obstáculos, com muitas escorregadelas e buracos. SEmpre quis chegar ao 12º e pensar "consegui e nunca baixei os braços".

Neste momento, sou capaz de pensar assim, porque na realidade consegui e nunca baixei os braços mesmo quando pensei que não aguentava mais, mas não sinto o entusiasmo que habitualmente sentia.

Acho que vai ser um ano complicado e simples ao mesmo tempo. Complicado porque é ano de exames e tenho de dar tudo por tudo. Complicado porque me falta uma peça essencial lá na escola. Simples porque vou estar muito menos tempo na escola, só tenho 5 disciplinas e só 4 requerem estudo intensivo.

Na realidade, tenho tudo para ter um ano fantástico (provavelmente vou a Londres e tudo), mas falta-me a minha melhor amiga. Estamos em escolas diferentes, com horários diferentes e eu sinto imenso a falta dela. Eu só que ainda só passaram 2 dias, mas o facto de não a ter na escola, nos intervalos lá, faz-me muita confusão. Sei que vou acabar por me habituar, mas, até lá, o caminho ainda vai ser longo e ainda vou ter de "sofrer" um bocadinho.

Só quero que o ano corra da melhor forma possível e para o ano, por esta altura, já estar inscrita e ter sido aceite no curso que sempre quis tirar.


 

Será que sim?


Preciso admitir, sou muito irônica e grossa as vezes, um pouco meiga de vez em quando. Gosto do meu lado apaixonada, mas quase nunca aparece. Protetora e ciumenta ao extremo. Tenho um gênio difícil e um temperamento forte. As vezes sou barraqueira, outras, calma até demais. Dura como uma pedra e frágil como um vidro. Um poço de orgulho, e mais conhecida como a rainha do drama, essa sou eu. E sabe o que mais me assusta? Ainda tem gente que gosta.

11 de Setembro


"O que quer que você faça na vida, será insignificante. Mas é muito importante que faça, porquê ninguém mais fará. Como quando alguém entra na sua vida e metade de você diz: "você não está preparado". Mas a outra metade diz: "torne-a sua para sempre!"


Dia que nunca será esquecido, infelizmente, pelas piores razões!

A confusão está instalada

Ontem, a cunfusão foi instalada na net. Entrei no face e no twitter e eram só publicações, tweets, comentários sobre o novo vídeo da Miley Cyrus. 

Como toda a gente deve saber nos últimos tempos têm-se falado muito nela devido à sua performance nos VMA'S e agora é toda uma polémica à volta dela devido à sua nudez no vídeo. 

Bem, eu que não sou fã dela (já fui), gosto da música. Descreve bem a situação de muita gente nas relações. Quanto ao vídeo, foi um bom golpe de marketing. Acho ridículo todo o aparato que se faz em volta de uma rapariga de 20 anos. Ela mudou muito? Mudou. E daí? Todos nós crescemos e não é por isso que somos criticados. Se ela tem "abusado" nos últimos tempos e faz coisas polémicas? Sim, mas é a maneira dela fazer com que o seu nome volte a andar nas bocas do mundo.

Enquanto a confusão ainda vai a meio, deixo-vos aqui o vídeo:


Há gente com sorte...

Ontem, como é habitual aos domingos, estava a ver o "Dança com as Estrelas" que, pelo que a Cristina Ferreira já tinha referido no facebook, ia ser uma noite quente. Ia ser a noite de kizomba, entre muitos outros estilos de dança. Até que é anunciada a entrada de Pedro Teixeira com Kizomba (já tinha dançado um tango anteriormente).

Bem, fiquei boquiaberta. Foi, sem dúvida, a melhor prestação dele no programa e isso foi refletido na pontuação que teve (30 pontos). Eu sou fã do Pedro Teixeira, acho-o muito bonito, com um corpo fantástico e um ótimo profissional. 

Em baixo, deixo-vos o kizomba dele e só digo... Há mulheres com muita sorte! Não me importava nada de dançar uma kizomba com ele :p